skip to Main Content
Escolha uma unidade: Peter Pan Renascer Pró Labor

Centro de Atendimento Especializado Renascer

Com a certificação em dezembro/2013 como Centro Especializado em Reabilitação tipo II ( CER II) – modalidade Deficiência Intelectual e Física; o programa de diagnóstico e intervenção clínica em Reabilitação é desenvolvido pela equipe multiprofissional em saúde, passa a compor a Rede de Cuidados à Pessoa com Deficiência (RCPCD) no âmbito do sistema único de saúde.

Tendo como objetivo reabilitar/habilitar desenvolvimento da pessoa com deficiência. O trabalho é realizado por equipe interdisciplinar, composta por: Neurologia (Infantil e Adulto), Psiquiatria, Fisiatria,Enfermagem, Fisioterapia, Terapia Ocupacional, Psicologia, Fonoaudiologia,Odontologia, Serviço Social, que respeitando a necessidade especifica de cada um, elabora projeto terapêutico singular (PTS).Assim, realizam avaliações periódicas, continuas e ajustes conforme necessidade individual de cada usuário, visando estimular a sua autonomia, cuidados próprios e a inclusão social.

Telefones Unidade Renascer:
(62) 3515-5665 e (62) 3515-5666

Estamos aguardando o seu contato. Preencha abaixo:



Fisioterapia

A Fisioterapia é a ciência que estuda o movimento humano e que utiliza recursos físicos no tratamento e cura. Com o sentido restrito à área de saúde, está voltada para o entendimento da estrutura e mecânica do corpo humano. Diagnostica, previne e trata os distúrbios, entre outros, da biomecânica e funcionalidade humana decorrentes de alterações de órgãos e/ou  sistemas humanos.

Mais Informações

Objetivos:

  • Avaliar e reavaliar capacidades sensório-motoras e desempenho funcional do usuário.
  • Elaborar um plano de tratamento para alcance das metas identificadas na avaliação Fisioterapêutica.
  • Maximizar as capacidades neuropsicomotoras de forma individualizada abrangendo a proposta clinica e pedagógica da instituição.
  • Promover melhor integração físico-motora do paciente para otimizar suas relações no seio da sociedade.
  • Estabelecer relação multiprofissional visando uma abordagem holística de tratamento, assessorando, orientando ou esclarecendo os demais profissionais quando solicitados para otimização das metas propostas.

Atividades:

  • Tratar cada usuário no sentido de ampliar a função, melhorar a qualidade de vida e alterar o resultado final dos déficits neurológicos.
  • Aplicar o conhecimento especializado sobre o desenvolvimento físico do usuário ao tratamento geral, com aspectos emocionais, cognitivos e sociais.
  • Estimular a independência funcional, o alinhamento biomecânico e descarga de peso.
  • Favorecer a percepção e o treino de marcha.
  • Desenvolver habilidades motoras específicas.
  • Encaminhamento para atendimento quando necessário em hidroterapia, eletroterapia

Estratégias:

  • Atendimento individualizado, quando necessário,
  • com a presença dos pais e/ou cuidadores para possíveis orientações.
  • Palestras de orientação aos pais e/ ou cuidadores.
  • Assessoria a outros profissionais quando solicitado.
  • Reavaliações periódicas semestrais, encaminhamentos quando necessário para outros profissionais fora da Instituição.
  • Orientações através de palestras solicitadas pelos pais/responsáveis
  • Atendimento clínicos interdisciplinares
  • Realizar ciclos de estudos e estudos de casos;
  • Palestras no Projeto Educação em Saúde com participação de familiares/ responsáveis;

Fisioterapia Respiratória

Prevenir e realizar tratamento das pneumopatias utilizando-se de diversas técnicas e procedimentos terapêuticos em nível ambulatorial.

Mais Informações

Objetivos:

  • Melhorar a ventilação pulmonar e prevenir ou eliminar o acúmulo de secreções, favorecendo assim, as trocas gasosas, além de manter ou melhorar a mobilidade da caixa torácica;
  • Avaliar as condições do sistema respiratório do indivíduo, bem como seu diagnóstico médico, histórico, pontos favoráveis e desfavoráveis à evolução de pneumopatias;
  • Realizar manobras, procedimentos e exercícios para higienização brônquica, reexpansão pulmonar e aumento da mobilidade da caixa torácica;
  • Orientar e treinar os pais e/ou cuidadores sobre as manobras e procedimentos que possam ser realizadas em casa visando auxiliar na melhora da função respiratória do usuários.

Atividades:

  • Realizar avaliação dos usuários quando necessário;
  • Atendimento para orientação, aconselhamento e treinamento de forma individual ou em grupo para os responsáveis pelo usuário;
  • Palestras para as famílias pelo projeto Educação em Saúde ;
  • Palestras para a equipe multiprofissional pelo ciclo de estudos;
  • Reuniões com coordenação e equipe multiprofissional;
  • Devolutivas para os pais ao final dos semestres;
  • Elaboração de laudos, relatórios e encaminhamentos;
  • Participação em eventos científicos: congressos, cursos, etc.

Estratégias:

  • Atendimento individual;
  • Avaliação inicial, reavaliação semestral;
  • Orientações aos pais;
  • Devolutivas aos pais ao final do semestre;
  • Reuniões clínicas e estudos de caso com equipe multiprofissional;
  • Utilização de materiais específicos da área para auxiliar no tratamento de acordo com objetivos traçados.
  • Busca freqüente de novos conhecimentos.

Fonoaudiologia

A Fonoaudiologia é uma ciência que estuda a comunicação humana, linguagem oral, escrita, audição, voz e fala, nos seus aspectos normais e patológicos abrangendo a Fonoaudiologia Estética, Terapêutica e Institucional. Esta  atua no atendimento clínico especializado nas áreas de motricidade oral e linguagem, além de desenvolver ações de prevenção e estimulação de voz e audiologia. Sendo assim, é responsável por habilitar e/ou reabilitar pacientes com limitações motoras orais, mentais, síndromes, bem como dificuldades de aprendizagem e/ou atraso no desenvolvimento neuropsicomotor, visando à inclusão social.

Mais Informações

Objetivos: A Fonoaudiologia tem como proposta de trabalho atender ao usuário, visando a adequação do Sistema Sensório Motor Oral (SSMO) e das Funções Neurovegetativas (FNV´s) (sucção, mastigação, deglutição e respiração), fala, leitura/escrita, audição e cognição, em uma busca constante de uma melhor qualidade de vida.

Atividades:

  • Avaliar e realizar intervenções terapêuticas e orientações específicas da Fonoaudiologia à pais ou cuidadores e profissionais;
  • Estimular/ adequar linguagem emissiva/receptiva (semântico, sintático, fonético-fonológico e pragmático);
  • Trabalhar Sistema Estomatognático;
  • Estimular retificação postural e alinhamento biomecânico visando trabalhar SSMO e FNV´s;
  • Estimular percepções: auditiva, visual, tátil e cinestésica;
  • Contribuir com os conhecimentos específicos da Fonoaudiologia nos ciclos de estudos e estudos de casos;
  • Palestras (Projeto Educação em Saúde) com participação de familiares;
  • Trabalhar com grupo de manutenção I e II compostos de usuários e respectivos cuidadores que estejam no setor por no mínimo 6 meses, visando desligamento em curto e médio prazo.
  • Trabalhar comunicação alternativa com usuários portadores de paralisia cerebral e autismo.

Estratégias:

  • Atendimento clínico individual ou em grupo de 35 minutos cada, de acordo com a necessidade do usuário e conforme as normas pré estabelecidas entre a Fonoaudiologia e direção ;
  • Grupos de estimulação e orientação à pais/cuidadores, visando continuidade do trabalho realizado em curto e médio prazo;
  • Atendimentos clínicos interdisciplinares.
  • Projeto Seletividade alimentar
  • Projeto PECS

Terapia Ocupacional

Atua no contexto específico da saúde humana e é definida como o campo de conhecimento e intervenção em saúde na  educação e na esfera social que reúne tecnologias orientadas para a emancipação e autonomia de pessoas que, por razões físicas, sensoriais, psicológicas, mentais sociais ou desenvolvimento apresentam temporariamente ou definitivamente, dificuldades na inserção e participação na vida social.

As intervenções em Terapia Ocupacional dimensionam pelo uso de atividades, elemento centralizador e orientador, na construção complexa e contextualizada do processo terapêutico.

Mais Informações

Objetivos: Tendo como objetivo  desenvolver a capacidade funcional de crianças com comprometimento neurológico e atraso no desenvolvimento neuropsicomotor para execução das tarefas essenciais do cotidiano proporcionando-lhe autonomia e melhoria na qualidade de vida.

Atividades:

  • Realizar anamnese, avaliação e traçar o plano de tratamento;
  • Reavaliar o usuário a cada final de semestre e fazer reunião devolutiva com pais ou responsável;
  • Participar e realizar Ciclo de Estudos, Estudos de Casos, Reunião de Equipe, e Projeto Educação em Saúde;
  • Planejamento e execução de Projetos;
  • Propiciar o desenvolvimento da terapia de integração sensorial (sistema vestibular, esquema corporal, orientação espaço-temporal, equilíbrio, lateralidade, estímulos proprioceptivos, táteis e sensórias);
  • Desenvolver ou restaurar a função motora (amplitude articular, força muscular, preensões, coordenação motora global e especifica);
  • Adequar às preensões (palmar cilíndrica, tridigital, em tesoura, rosca, pinça, em gancho);
  • Trabalhar o posicionamento adequado dosusuários (trocas posturais, transferências, locomoção e adequação postural no ambiente em que a criança se encontre);
  • Desenvolver, treinar e orientar as AVDs (atividades de vida diária) tais como alimentação, vestuário, higiene pessoal e bucal, todas estas atividades com participação ativa do usuário;
  • Confeccionar adaptações para facilitar a realização das AVDs;
  • Indicar e encaminhar para confecção de órteses de MMSS (Membros Superiores);
  • Indicar e prescrever cadeira de rodas;
  • Promover a saúde, reduzir ou corrigir a situação da patologia (deformidades);
  • Facilitar a aprendizagem de habilidades e funções essenciais para tornar o indivíduo adaptado e produtivo, reforçando as capacidades funcionais;
  • Orientar em nível domiciliar e escolar.

Estratégias:

  • Atendimento Individual;
  • Atendimento em Grupo;
  • Atendimento Interdisciplinar;
  • Atendimento Familiar;
  • Atendimento Externo;
  • Admissão e Desligamento/alta;
  • Projeto de AVD´s;
  • Projeto de Atendimento em Grupo;
  • Projeto de Integração Sensorial;
  • Projeto de Terapia Ocupacional Escolar;
  • Projeto Seletividade alimentar.

Psicologia

Atende em habilitação e reabilitação cognitiva, em psicoterapia individual e em grupo(orientação e apoio) à família, contemplando usuários  com atraso no desenvolvimento cognitivo-adaptativo visando à integração ao contexto e à comunidade.

Mais Informações

Objetivos: Atuar na prevenção, avaliação, orientação e tratamento das desordens emocionais e comportamentais do paciente e família proporcionando-lhe melhor adaptação, amadurecimento e qualidade de vida.

Atividades:

  • Avaliação psicológica dos usuários;
  • Atendimento em estimulação cognitiva para usuários de acordo com necessidades;
  • Atendimento a  usuários para intervenção em aspectos comportamentais e emocionais  quando se fizer necessário;
  • Atendimento para orientação, aconselhamento e treinamento de forma individual ou em grupo para os responsáveis pelo usuário;
  • Palestras para as famílias pelo projeto Educação em Saúde;
  • Palestras para a equipe multiprofissional pelo ciclo de estudos;
  • Reuniões com coordenação e equipe multiprofissional;
  • Devolutivas para os pais/ responsáveis  ao final dos semestres;
  • Elaboração de laudos, relatórios e encaminhamentos;
  • Participação em eventos científicos: congressos, cursos, etc.

Estratégias:

  • Atendimento de apoio  às famílias;
  • Atendimento em habilitação e reabilitação cognitiva para;
  • Intervenção psicoterapêutica com os usuários e seus responsáveis;
  • Palestras no Projeto Educação em Saúde com participação de familiares/ responsáveis.

Odontologia

O tratamento odontológico em usuários  com necessidades especiais é de extrema importância, visto que apresentam comprometimentos neurológicos e/ou motor, não sendo capazes de realizar uma higiene bucal satisfatória.

Mais Informações

Objetivos: melhorar a qualidade de vida dos pacientes com necessidades especiais, através da realização de tratamentos preventivos, curativos e  cirúrgicos ambulatoriais.

Atividades:

  • Realizamos tratamentos preventivos, curativos, cirúrgicos e ambulatoriais.
  • O tratamento preventivo é realizado em todos os usuários, tanto naqueles que apresentam cárie quanto naqueles que não apresentam.
  • O tratamento preventivo em usuários zero cárie visa que esses continuem assim, sem nenhuma lesão.
  • Já nos usuários portadores de cárie, a prevenção visa eliminar futuras lesões. Doenças periodontais também são tratadas com medidas preventivas, como raspagem, escovação, orientação de higiene bucal.
  • O tratamento curativo ou restaurador visa sanar a doença cárie e restaurar as lesões já existentes.
  • O tratamento cirúrgico ambulatorial engloba exodontias simples e cirurgias simples.

Estratégias:

  • Atendimento clínico com agendamento dos usuários;
  • Palestras educativas sobre higiene oral e cuidados com a boca para familiares/responsáveis;
  • Realização de escovação em grupo;
  • Palestras no Projeto Educação em Saúde com participação de familiares/ responsáveis.

Medicina (Neurologia/ Psiquiatria/Fisiatria)

Acompanhamento e tratamento neurológico aos  usuários com necessidades especiais. Realizar diagnóstico medico e intervenção medicamentosa.

Mais Informações

Objetivos: melhorar a qualidade de vida dos usuários  com necessidades especiais, através da realização de tratamentos ambulatoriais.

Atividades:

  • Realizar consulta médica;
  • Emissão de relatórios médicos.

Estratégias:

  • Atendimento clínico com agendamento ao usuário;
  • Palestras no Projeto Educação em Saúde com participação de familiares/ responsáveis.

Enfermagem

Acompanhamento em enfermagem aos usuários com necessidades especiais e atuar no diagnóstico em enfermagem e  orientações.

Mais Informações

Objetivos: melhorar a qualidade de vida dos pacientes com necessidades especiais, através da realização de tratamentos ambulatoriais.

Atividades:

  • Realizamos consulta  em enfermagem;
  • Palestra visando trabalho preventivo;
  • Projeto NAS;
  • Projeto Educação em Saúde.

Estratégias:

  • Atendimento clínico com agendamento;
  • Educação em Saúde;
  • Atendimento  individual e orientação em grupo.

Audiologia

A área da Audiologia Clinica, importante é fonte de diagnóstico de possíveis alterações auditivas, auxiliando para um tratamento adequado e/ou preventivo destas.

Mais Informações

Objetivos: Tem como objetivo diagnosticar, por meio de testes (subjetivo e objetivo), perdas auditivas periféricas e orientar os indivíduos quanto à prevenção de possíveis danos à audição.

Atividades:

  • Consulta Fonoaudiológica;
  • Encaminhamentos necessários;
  • Exames audiológicos subjetivos e objetivos;
  • Emissão de resultado dos exames da bateria audiológica;
  • Orientações sobre Saúde auditiva;
  • Projeto Educação em Saúde.

Estratégias:

  • Realização de exames Audiológicos;
  • Orientação especifica sobre saúde auditiva.

Serviço Social

Desenvolver ações sócio assistenciais e sócio educativas contribuindo assim com o processo de reabilitação e inclusão social das pessoas com deficiência e seus familiares, Instrumentalizando-as para o exercício da cidadania visando melhorar a qualidade de vida de modo a inseri-las nas diversas ações ofertadas, reforçando a luta pelo alargamento dos direitos sociais.

Mais Informações

Objetivos: facilitar o acesso aos serviços prestados pela instituição e divulgar os benefícios, serviços, programas e projetos assistenciais, bem como os recursos oferecidos pelo Poder Público e quais são os critérios para sua concessão.

Atividades:

  • Acolhimento;
  • Entrevista social;
  • Encaminhamentos diversos quando necessário ;
  • Agendamento consulta/cortesia  com profissionais que possuem parceria com a APG, quando necessário;
  • Visita domiciliar;
  • Visita institucional;
  • Projeto NAS.

Estratégias:

  • Atenção sócio familiar que proporcione o bem estar do usuário e sua família, visando fortalecer o grupo para o exercício de suas funções de proteção básica do lado de sua auto organização e conquista de autonomia;
  • Palestras no Projeto Educação em Saúde com participação de familiares/ responsáveis.

Telefones Unidade Renascer:
(62) 3515-5665 e (62) 3515-5666

Estamos aguardando o seu contato. Preencha abaixo:



Infraestrutura

01 recepção, 01 secretaria, 01 sala de funcionários, 11 banheiros, 01 sala da direção, 01 laboratório de informática, 01 auditório, 01 sala de Serviço Social, 01 cozinha para confecção dos lanches, 01 cozinha para atividades com os alunos, 12 salas para estimulações e intervenções, 01 sala de depósito de material pedagógico, 01 depósito de material de limpeza, 01 depósito de gêneros alimentícios, 04 almoxarifados, 01 piscina.

Localização

Avenida A, Nº 561, Setor Vila Nova, Goiânia/GO, CEP: 74720-270.

Galeria de Fotos

Back To Top